Justiça afasta por 180 dias o vereador de Casimiro de Abreu Bitó

O Juiz da Vara Única de Casimiro de Abreu, Dr. Rafael Azevedo Ribeiro Alves afastou nesta quinta-feira (9) o Presidente Interino da Câmara de Casimiro de Abreu, vereador Ademilson Amaral, o Bitó. O afastamento vale por 180 dias.

Bitó ocupava interinamente a Presidência do Poder legislativo municipal, que ficou vago após o afastamento do vereador Rafael Jardim no mês passado. Além dos dois vereadores, Bruno Miranda e Neném da Barbearia também tiveram seus mandatos suspensos por determinação judicial.
Segundo o Ministério Público, os quatro vereadores estão sendo investigados por possíveis crimes cometidos na época da votação das contas do ex-prefeito de Casimiro de Abreu, Antônio Marcos.

Na decisão, o Juiz afirma: “É possível verificar a real existência de dois grupos rivais no município, degladiando-se entre si, utilizando meios escusos para garantir a efetivação de seus interesses”.

VOTAÇÃO DAS CONTAS DO EX-PREFEITO ANULADA

Na mesma decisão que afastou o vereador Bitó, o Juiz Rafael Azevedo também determinou a anulação da votação que aprovou as contas do ex-prefeito Antônio Marcos, em abril desse ano.

SUPLENTES CONVOCADOS

Também foi determinada a convocação dos suplentes para ocupar as cadeiras dos vereadores afastados. São eles: Dadinho Miranda, Vitor de Doca, Tiago Magalhães e Carlos de Itamar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *